Blog

Fique por dentro dos assuntos

Subestação: qual a função e o que é?
30
jan

As subestações são importantes para a distribuição da energia, funcionando de uma forma que a distribuição esteja nos níveis adequados para a utilização no seu comércio ou na sua residência, por exemplo. Este texto fala sobre o que é uma subestação e qual a função dela. Você não pode perder.

O que é uma subestação?

Quando falamos em subestação, nós nos referimos a uma instalação na qual é possível encontrar condutores, equipamentos e aparelhos que têm a capacidade de mudar as características da energia que vai para o consumo da população.

A instalação de uma subestação pode ser externa, abrigada ou blindada, e cada um desses tipos tem características próprias e é recomendado para determinada situação. Logo abaixo você pode ver mais sobre esses três tipos:

Subestação externa

A subestação externa é uma instalação que fica ao ar livre, em contato com o calor, o vento, a chuva e a poluição. Como você já pode esperar, os materiais que compõem a subestação externa se desgastam com o tempo, sendo necessários equipamentos específicos e manutenções com frequência.

Subestação abrigada

Ao contrário do tipo de subestação que você acabou de ver, a instalação abrigada fica dentro de uma estrutura de proteção, podendo ser dentro de uma câmara subterrânea ou em uma edificação. São subestações que em boa parte dos casos ficam pertinho dos centros de carga.

Subestação blindada

E, por último, temos a subestação blindada, que é ainda mais protegida do que a abrigada porque nela os próprios equipamentos presentes na área de alta tensão são protegidos por invólucros metálicos. O isolamento é feito com gás hexafluoreto de enxofre (SF6).

Função da su30

As subestações também são classificadas de acordo com a sua função, ou seja, a instalação não é o único fator para se levar em conta quando se define o que determinada subestação faz. A função da subestação pode ser:

Subestação Emissora de Transmissão

São as subestações que ficam bem perto da geração de energia e que contam com transformadores elevadores para que a classe de tensão possa subir e, em seguida, a corrente baixar.

Subestação Receptora de Transmissão

São as que ficam entre a geração e a distribuição. Nela, não se faz alteração de tensão, e o objetivo é isolar sistemas, seccionar circuitos e também fazer a interligação entre subestações de distribuição e centrais de transmissão.

Subestação de Distribuição

Essas já ficam mais perto dos centros de carga, e contam com transformadores abaixadores da classe de tensão. Elas podem tanto distribuir a energia para os transformadores de distribuição quanto para as subestações consumidoras.

Subestação Consumidora

Em último lugar, temos as subestações consumidoras, que estão instaladas nas propriedades particulares. Elas têm transformadores abaixadores e normalmente estão alimentadas em média tensão, com o objetivo de deixar a energia adequada ao uso.

Quanto ao nível da tensão da operação, é possível encontrar subestações de tensão baixa, média, alta e extra alta. No nosso site, você encontra mais informações sobre painéis e montagem de quadros. Temos selos de excelência de qualidade e podemos ajudar você em instalação elétrica ou automação. Dê uma olhada!

NEWS LETTER

Cadastre seu e-mail e receba notícias e novidades