Blog

Fique por dentro dos assuntos

O que é automação industrial?
14
mar

O processo industrial permite que as empresas produzem em larga escala diversos produtos, um alto número de unidades, todos os dias. A produção industrial modificou a forma como vivemos e vemos o mundo à nossa volta, com mais qualidade de vida, popularizando o consumo de diversas mercadorias.

Ao longo do tempo, a indústria, que já foi quase toda movida a mãos humanas, está se tornando cada vez mais tecnológica e eficiente. Isso é responsabilidade da automação industrial, sempre mais presente em diversas plantas fabris. Mas o que é e como funciona a automação industrial? Vamos te contar um pouco mais sobre isso neste texto.

A automação consiste em deixar um processo profissional automatizado, portanto, menos dependente de força de trabalho humana e mais associado à tecnologia e processos lógicos eletroeletrônicos.

Com isso, duas das principais “consequências” de se automatizar uma linha industrial são a redução de custos com pessoal e o aumento da produtividade dos equipamentos fabris, o que diminui de forma consistente o preço final dos produtos aos consumidores, permitindo expansão de negócios.

Algumas funções podem ser desempenhadas pelas máquinas de forma mais eficiente do que por humanos, seja no âmbito operacional, como no aspecto de controle.

Operacional: equipamentos dedicados a, especialmente, produzir as mercadorias: motores, luzes, engrenagens, peças, entre outros.

Controle: computadores e outros dispositivos analógicos e digitais utilizados para administrar o funcionamento de máquinas. Podem ou não ser operados por humanos.

A automação industrial funciona de forma lógica, buscando a maior autonomia possível. É por isso que as rotinas de produção operam de acordo com parâmetros bem definidos e algoritmos que são seguidos à risca pelas máquinas, que também trazem feedbacks em tempo real para que os supervisores humanos verifiquem se está tudo como o esperado.

As indústrias, que até agora mais se automatizaram em nosso mercado, são a automobilística, a químico-farmacêutica, a indústria de embalagens, bens de consumo duráveis e não duráveis e também a indústria de papel e celulose. Com isso, todos estes produtos se tornam mais baratos, padronizados e de boa qualidade.

Um sistema de automação é composto por várias partes com funções distintas, e pode ser controlado por um software de computador ou uma central de Controladores Lógicos Programáveis, que utilizam dispositivos de entrada de informação (interfaces de interação com usuário humano, botões, registros, interruptores) e também exibem feedbacks para o operador na forma de valores, luzes, sons e outras respostas por computador.

O diagrama de funcionamento de um sistema automatizado funciona mais ou menos da seguinte maneira:

Elementos de saída de informação orientam o operador humano, que emite ordens nos elementos de entrada, posicionados no sistema de controle. Este, por sua vez, lida com os pre-atuadores (sensores, transdutores, chaves e contatores) e atuadores (motores e etc) para realizar a operação do serviço.

Esta operação será percebida por sensores que emitem feedbacks sobre o processo para o sistema de controle, que realimenta o trabalhador com informações que ele precisa saber para continuar o fluxo.
Entre em contato conosco através do site ou do telefone!

Relacionados

NEWS LETTER

Cadastre seu e-mail e receba notícias e novidades